Follow by Email

terça-feira, 31 de março de 2020

Trecho do livro: Magia Liquida

"No fim tudo tem um preço. Essa é a regra mais básica do universo. Todo mundo negocia com o desconhecido, forças maiores do que nos, mas com quem estamos realmente negociando por meio de nossa fé? Com o divino? Isso é bem natural. Rezar por exemplo é uma forma de negociação com poderes superiores. Só que em épocas realmente críticas diante da fragilidade do momento, faremos um pacto com qualquer força que se apresente e por consequência pagaremos qualquer preço para ter uma saída. Com o tempo aprendi que os problemas são só uma questão de perspectiva e que a salvação é uma recompensa cara e perigosa."

segunda-feira, 30 de março de 2020

Carta a Cinderela

Rio de janeiro, primeiro de setembro de dois mil e dezenove...sinto o gosto amargo do café e o prazer que o acompanha. Sigo olhando para celular. Sabe tem uma foto em que você está tão linda. É quase macabro a forma como seu ar psicótico me hipnotiza. Minha, somente minha, psicopata que brinca com os aros que moldam a própria realidade. Meu mundo se rendeu ao seu universo. E nesse sonho de tê-la em meus braços me desmancho como cubinhos de açúcar em um chá fresco, como areia diante da chuva. Cinderela, lhe escrevo para acalmar minha alma dilacerada pelo tempo e escapar do terrível destino. O qual suas ondas lhe arrastam cada vez para mais distante. Meu deus, será isso o amor? A incerteza da dúvida mesclada à uma certeza de que o impossível é real. A noites em que sonho com você e sei que também sonhas comigo. Nesses sonhos estabelecemos um elo inexplicável é repleto de força. Então se não mente para mim...tenho a certeza que um dia estaremos juntos.
Confesso, as vezes duvido da métrica...desconfio que isso seja parte de minha loucura particular. Que no fim...abóboras sejam abóboras e ratos sejam ratos. Que a ilusão do amor e desejo cego seja uma fada madrinha vil que com um loop infinito de uma unica noite me aprisione em um mundo de carruagens e magia.
Quem dera eu ser um príncipe...algo além de um poeta...algo que gere dinheiro e não sentimentos...poderia assim lhe ver sempre e me lançar no seu maldito abraço. Que preenche o vazio tão bem...encaixa em meu coração como um quebra cabeças.
Por fim temos o sapato de cristal, que em meu devaneio, é o sorriso que tão raramente brota em seu rosto e assim abre todas as portas. Sabe, sei que não eres perfeita...que seu lado sombrio existe e se alimenta de sua tristeza...sei que afasta as pessoas por medo e que usas uma grossa armadura de traumas e pesadelos, mas estou aqui. Não sei o porquê, só sei que estou aqui e tudo que mais desejo é rouba-lhe um beijo, lhe abraçar forte e te proteger. Juntos encarando o tormento da vida e da existência. Esse seria o meu felizes para sempre.

domingo, 29 de março de 2020

Sinopse do meu primeiro livro


Contos místicos, secretos e invisíveis é a reunião de algumas histórias que preenchem nossa imaginação e distorcem a linha entre a fantasia e a realidade. Perdidos durante séculos, escondidos por meio de magias e encantamentos, seu conteúdo permaneceu restrito a um grupo seleto de pessoas, seres capazes de enxergar uma história em meio ao vazio, sonhando acordados, dando forma às nuvens. Não sabemos ao certo quando a Ordem dos Magos da Lua Crescente foi formada. Também não sabemos como esses homens distribuíam seu conhecimento. Ainda assim temos certeza de que esses contos, lendas e histórias foram o pilar para a formação do que esses mestres chamavam de consciência mágica…
Suas ideias acabam por nos convidar a embarcar em um mundo novo recheado de possibilidades.


Link para compra do livro: https://editoramultifoco.com.br/loja/product/contos-misticos-secretos-e-invisiveis/


Carta ao diabo

iCatolica.com: O pacto com o diabo: um tema recorrente na arte e ...Meus pulmões queimam com a intensidade de um vulcão. A respiração é pesada e pausada. Cada vez que me afasto de uma pessoa sinto a sua presença junto a mim. Diabo, "cramunhão", demônio...não me cabe saber sua real posição. Herói ou vilão! Afinal todo Deus está fadado a ser pintado com as cores da ignorância e do inferno. Lhe escrevo não porque acho que se interesses por minhas questões, lhe escrevo porque no fim irei me lançar em sua morada...É estou fadado a caminha pelo fogo e pelo enxofre. Então por que não oferecer os lírios da amizade? Minha face sorridente esconde o lado mais sombrio. O lado que como o retrato de Dorian Gray apodrece através do pecado e do desejo libertino e assim é traçado pelos vermes e seres repugnantes que habitam além dos muros da lógica e do real. Relatividade teista é o que mantém minha fé. Logo estarei em seus braços e não precisarei me render aos encantos das sucubbus de luxúria e violência que vem me visitar todas as noites. O pois vida não terá surpresas pra mim e seguindo a fórmula de Dante me reformularei no círculo dos poetas, filosofos e os que sofrem de amor. Pois a poesia por si só já pertence a ti e ela é tudo o que sou.

Carta ao medo

Ele vem surgindo de mansinho. Como um tumor silencioso e maligno ele cresce e crescendo vai ganhando força. Como um conquistador sanguinário domina todas as emoções. Perna trêmula e um suspiro sem ar...agonia de um tolo diante do precipício.
Flagship Chilli Beans recebe nova exposição de arte"Medo"! Fique ...Medo...Medo do medo...pavor...enraizado em cada conexão nervosa do corpo. Impulsionando sinais elétricos de puro receio. Escrevo a ti...meu pior inimigo e o mais sábio dos amigos. Por que me acompanha como uma sombra? Faz com que eu fuja da vida e seus prazeres. Por que me silencia e torna tudo mais difícil? A convivência arrastada e profunda. Tormento de sentir cada gota de esperança se esvair. Um dia ainda vou descobrir porque dia a pois dia você ousa perfurar minha força com sua espada e desafiar minha coragem para embates eternos. Talvez no fim esteja tão junto a minha natureza que por isso mesmo depois de tudo que conquistei ainda me sinto como seu garotinho. Solitário, assustado...seu vassalo. Que sofre diante das esquinas, dos bares, das dores, das aventuras e dos amores.